Fundação Vingt-un Rosado lança obra em parceria com a Academia de Ciências Jurídicas e Sociais com o selo da Coleção Mossoroense em dia festivo

A Fundação Vingt-un Rosado lançou obra literária em parceria com a Academia de Ciências Jurídicas e Sociais (ACJUS) com o selo da Coleção Mossoroense em dia festivo.

O livro “Elder Heronildes da Silva no Memorial dos Mossoroenses“ faz parte do do Projeto Memória Acadêmica Trajetória da Academia de Ciências Jurídicas e Sociais (ACJUS).

O lançamento foi feito no dia 9 de setembro e faz parte das comemorações dos 90 anos de vida do acadêmico imortal Elder Heronildes da Silva, ocorrido no Palácio Milton Marques de Medeiros, sede da ACJUS.

A obra é composta por textos do homenageado e de vários homenageadores. Ela foi idealizada pelo advogado e presidente da ACJUS, Wellington Barreto, com a participação do colaborador da Fundação, Eriberto Monteiro.

“Muito justa a homenagem ao ilustríssimo Elder Heronildes. O presidente da ACJUS teve uma excelente ideia para homenagear Elder Heronildes, um homem de luta em prol da cultura potiguar, igualmente foi Vingt-un Rosado“, comentou Eriberto Monteiro, um dos editores da Coleção Mossoroense.

As comemorações do 90º aniversário de Elder foram iniciadas na manhã do dia 8 de setembro com visita guiada às obras do Auditório Acadêmico Elder Heronildes, localizado na sede da ACJUS. No período da tarde, a sociedade participou de missa em ação de graças ao aniversariante na Catedral de Santa Luzia.

O lançamento da obra foi feito em grande festa em Sessão Solene no Palácio Milton Marques de Medeiros, presidida pelo advogado Wellington Barreto e oradores Antonio Clóvis Vieira, Zélia Macedo, o aniversariante e com participação de autoridades e sociedade em geral.